sexta-feira, 20 de maio de 2011

Eu preciso...


Eu sei que eu te preciso, de longe ou de perto. Preciso saber como vai, como fica. Preciso sentir teu cheiro, teu beijo. Que seja, primeira de muitas ou última vez. Que seja um fim ou um início. Mas eu preciso! Meu corpo já sente falta do teu. Meus olhos ainda te procuram, meus ouvidos suplicam tua voz doce e meus lábios imploram um beijo teu. Meus dedos clamam por tua pele, desenhar teu rosto, enrosca-los nos teus cabelos. Meu olhar pede impiedosamente o teu. O fervor do momento me fez errar, consequências não me faltaram. Consequências, sejam elas boas ou ruins. Te levaram dos meus braços. Eu preciso saber se também precisa de mim. Se precisa do meu amor, do meu carinho, do meu cheiro. Se tua pele clama a minha, se teu olhar me procura, se sentes saudade da minha voz. Eu preciso …

allanas

Nenhum comentário:

Postar um comentário