quinta-feira, 28 de julho de 2011

Olhos Nos Olhos

Olhos Nos Olhos
Chico Buarque
Composição: Chico Buarque

Quando você me deixou, meu bem
Me disse pra ser feliz e passar bem
Quis morrer de ciúme, quase enlouqueci
Mas depois, como era de costume, obedeci

Quando você me quiser rever
Já vai me encontrar refeita, pode crer
Olhos nos olhos
Quero ver o que você faz
Ao sentir que sem você eu passo bem demais

E que venho até remoçando
Me pego cantando, sem mais, nem por quê
Tantas águas rolaram
Quantos homens me amaram
Bem mais e melhor que você

Quando talvez precisar de mim
Cê sabe que a casa é sempre sua, venha sim
Olhos nos olhos
Quero ver o que você diz
Quero ver como suporta me ver tão feliz

A você, meu amor.




Eu sei que meus medos e que minhas manias são difíceis de lidar, eu conheço meus defeitos, e você sabe disso.
 Não vou pedir que me entenda sempre, mas será necessária muita paciência, principalmente nas vezes em que você não me entender.
 Eu sei, paciência não lhe falta. Eu sei que você sempre me amou. Aliás, quero lhe agradecer mais uma vez por isso, por você ter me ouvido tantas e tantas vezes, por ter aberto mão dos teus sentimentos para muitas vezes acabar sentindo os meus, e principalmente por sempre ter me amado do jeito que eu sou, desconfiada, impaciente e medrosa.
 Hoje eu sei que foi do teu amor que eu tirei forças para sobreviver nos piores momentos, que foram os teus olhos, cheios de verdade, cheios de amor, que me disseram silenciosamente que eu era alguém importante. E eu sei que você sabe disso.
 Você esteve sempre tão presente em minha memória que fica até difícil de explicar porque demorei tanto tempo para notar-te ali. Não é mentira, eu sempre carreguei você comigo, o teu amor, o teu carinho, o teu sorriso, a tua amizade.
 A tua insistência em me ver feliz, em me ver bem, me fizeram conhecer o amor incondicional.
 E a verdade é que essa mesma insistência que já me fez louca de raiva, foi quem me mostrou que foi você quem eu sempre procurei, que eu não gostava dos teus carinhos em vão, que eu tinha tudo para amar-te, eu só não tinha percebido ainda.
 Hoje, com a mesma certeza que te disse vá embora aquela vez, eu te digo que te amo. Sem brincadeiras, sem mais me fazer de forte.
 Eu amo o teu cheiro no meu travesseiro, o gosto bom que você deixa na minha boca cada vez que parte, eu amo saber que você irá voltar no outro dia, de um jeito ou de outro.
  Mas você sabe, como sempre as desconfianças me atordoam, me machucam. Como sempre, eu vou esperar você partir para nunca mais voltar, eu não vou te segurar, não vou te prender, mas não quero me machucar, por isso, se não for pra me amar, meu amor, não fique aqui, não esquente nunca mais a minha cama, não me diga mais que me ama

sexta-feira, 22 de julho de 2011

Entretanto

Composição: Mart'nália / Mombaça

Não vá agora, deixa eu melhorar
Não fique triste, tudo vai passar
É só ciúme, doença que contraí porque te amo demais
Mas também é loucura, loucura tem cura, ciúme também
E paixão é o que me faz bem
Entretanto não vá
Não vá me abandonar
Você é o remédio
Que me tira do tédio, quando me faz amar
Não vá agora
Lembra do nosso abraço, beijo, sexo, demais
Lembra do nosso ninho, nosso cantinho
Que tanto desejo não posso disperdiçar
Lembra da nossa música
Entretanto não vá
Não vá me abandonar
Você é o mistério que me tira do sério
Quando me faz amar
Entre, sente
Entre, entretanto não vá
Não vá me abandonar
Você é o remédio que me tira do tédio
Quando me faz amar...
Entre... tanto...
Não vá...
Não vá embora...
Não vá amor...

Eu fico vermelha q

'Eu fico vermelha quando me dizem coisas que eu não sei responder. Eu não consigo olhar por mais de 1 minuto para algum garoto que eu esteja gostando. eu fico calada enquando admiro ele falar e se me perguntar mesmo que eu tenha ma resposta boa, minhas palavras não saem, Eu não sei seduzir. Não sei chavecar.E tem horas que sinto uma enorme vontade de mandar a minha timidez para a puta que pariu, porque parece que a moda agora é ser atirada e pegar geral, e parece que os garotos gostam disso, e eu não sei lidar com essas coisas sabe?

Você tem que parar de ter tanto ciúmes, não confia em mim?

 
Ele: Você tem que parar de ter tanto ciúmes, não confia em mim?
Ela: Eu não tenho ciúmes exagerado, tenho o ciúmes que toda garota teria da pessoa que ama. E quer mesmo saber? Eu odeio quando aquelas garotas chegam perto de você, odeio quando elas te abraçam, odeio quanto tenho que ver outras garotas gritando o seu nome durante um jogo, odeio quando vejo uma garota dizendo que acha você bonito ou fofo, odeio quando tenho que te esperar e você não vêm, odeio saber que não posso estar todo o tempo com você e tem pessoas que podem passar o dia todo ao seu lado, odeio só pensar quem alguém pode estar te tocando. E não é que eu não confie em você, eu simplesmente não gosto e ponto. Não gosto que toquem no que é meu, não gosto que façam com você o mesmo que eu faço. E não é insegurança é só uma forma minha de mostrar que eu me importo com tudo o que você faz e que tenho medo que você ache alguém que te faça mais feliz do que eu.
Ela: ja cansei

terça-feira, 19 de julho de 2011

Eu ainda lembro




 O que dói não é o fato da pessoa que você gosta não sentir o mesmo por você, é saber que ela vai sentir por outra pessoa o que você sente por ela, e você, que sente na pele aquele sentimento, sabe como ele vai se sentir, e sabe também que quando acontecer, vai ser irreversível.

No meu caso, isso me dói sim, mas o que me machuca mais não é isso. O que me machuca é olhar pra trás e ver que o sentimento que eu tenho hoje por ele, já foi o mesmo dele por mim. Nós compartilhamos em algum momento. Hoje eu sinto frio na hora de dormir, mas eu lembro de uma noite que dormimos abraçados sussurrando coisas que ninguém vai saber. Eu lembro que fechei os olhos e uma de suas mãos estava me enlaçando o ombro e a outra estava em cima da minha mão, e eu estava lá, feito um bebê dormindo no peito dele, sentindo aquele vai e vêm da respiração quente na minha nuca. Lembro também de uma uma vez que eu estava perdida nos meus pensamentos, alheia a tudo que estava em volta, ele simplesmente pegou a minha mão, sem que ninguém notasse. Senti meu corpo tremer e tudo se resumir simplesmente naquele toque. Ele sorriu... sorriu pra mim.

Mas hoje em dia, ele sorri... mas não é pra mim que ele sorri. Costumo dizer então que nós passamos muito tempo viajando, eu e ele. Viajamos e fomos felizes, ele era meu e eu era dele, ele sabia que eu era a garota dele. Todas os dias eram de beijos e sorrisos, que compartilhamos experiências e que fomos tudo um para o outro, que juramos jamais nos perder, que o brilho do nosso olhar não ia embora... Mas um dia... tivemos que voltar. Ele não esqueceu meu nome e meu número, ele ainda lembra de mim, mas ele se esqueceu do nosso sentimento, do jeito que eu sorria quando estava com ele, do jeito que ele se sentia feliz quando estavamos juntos.


Não sei dizer, meus caros, se tudo não se passou de uma grande ilusão, ou confusão... ou experiência. Carrego comigo bons momentos, e são eles que me machucam.

Eu ainda lembro quando estava deitada no peito dele, eu disse com a voz chorosa:
'' é que eu tenho medo de perder você.''
E ele pensou um pouco antes de responder...
'' Você nunca vai me perder''

ele mentiu

quarta-feira, 13 de julho de 2011

Hoje é o Dia Mundial do Rock

Hoje, 13 de julho, é comemorado o Dia Mundial do Rock, data que tomou corpo e alcance mundial em 1985, quando um festival realizado simultaneamente em Londres, na Inglaterra, e na Filadélfia, nos Estados Unidos, provou que a música tem o poder o reivindicar mudanças.
 O objetivo principal era o fim da fome na Etiópia e contou com a presença de artistas como The Who, Status Quo, Led Zeppelin, Dire Straits, Madonna, Queen, Joan Baez, David Bowie, BB King, Mick Jagger, Sting, Scorpions, U2, Paul McCartney, Phil Collins (que tocou nos dois lugares), Eric Clapton e Black Sabbath.
Foi transmitido ao vivo pela BBC para diversos países e abriu os olhos do mundo para a miséria no continente africano. 20 anos depois, em 2005, Bob Geldof organizou o Live 8 como uma nova edição, com estrutura maior e shows em mais países com o objetivo de pressionar os líderes do G8 para perdoar a dívida externa dos países mais pobres erradicar a miséria do mundo.
Desde então o dia 13 de julho passou a ser conhecido como Dia Mundial do Rock





Opss!

Menina: Mamãe porque os meninos tem pinto e eu não tenho?
Mamãe: Há se você for uma boa menina quando crescer você vai ter um.
Menina: E se eu não for uma boa menina?
Mamãe: Ai você vai ter varios.

Muito Romântico


Não tenho nada com isso nem vem falar
Eu não consigo entender sua lógica.
Minha palavra cantada pode espantar
E aos seus ouvidos parecer exótica.
Mais acontece que eu não posso me deixar
Levar por um papo que já não deu (Não deu)
Axo que nada restou pra guardar
DO muito ou pouco que houve entre você e eu.
Nem uma força virá me fazer calar
Faço no tempo soar minha silaba
Canto somente o que pede pra se cantar
Sou o que sou eu não tomo a pilula.
Tudo o que eu Quero é um acorde perfeito (maior)
COm todo mundo podendo brilhar no cantico
Canto somente o que não pode mais se calar
Em outras palavras sou muito romântico
Canto somente o que não pode mais se calar
Em outras palavras sou muito romântico.

Não perca seu tempo comigo



Então, não perca seu tempo comigo. Eu não sou um corpo que você achou na noite. Eu não sou uma boca que precisa ser beijada por outra qualquer. Eu não preciso do seu dinheiro. Muito menos do seu carro. Mas, talvez, eu precise dos seus braços fortes. Das suas mãos quentes. Do seu colo pra eu me deitar. Do seu conselho quando meu lado menina não souber o que fazer do meu futuro. Eu não vou te pedir nada. Não vou te cobrar aquilo que você não pode me dar. Mas uma coisa, eu exijo. Quando estiver comigo, seja todo você. Corpo e alma. Às vezes, mais alma. Às vezes, mais corpo. Mas, por favor, não me apareça pela metade. Não me venha com falsas promessas. Eu não me iludo com presentes caros. Não, eu não estou à venda. Eu não quero saber onde você mora. Desde que você saiba o caminho da minha casa. Eu não quero saber quanto você ganha. Quero saber se ganha o dia quando está comigo.

(Caio F Abreu)

terça-feira, 12 de julho de 2011

Como fazer uma garota feliz


Como fazer uma garota feliz: Seja amigo. Esteja sempre disposto a ouvir-la. Tente entender-la. Converse. Compartilhe segredos. Abrace-a de um jeito único. Ria junto com ela. Não a julgue. Não opine. Convide-a a sentar no seu colo. Não mude-a. Discuta quem ama mais quando ela falar que te ama. Diga que ela é linda sempre. Faça ficar visível que você quer estar sempre junto dela. Beije-a inesperadamente. Tente demonstrar o amor que sente. Não minta. Tente ser engraçado só pra ver o sorriso dela. Fale que é o mais bonito que já viu. Segure sua mão. Entrelace os dedos. Não subestime-a. Não pense saber tudo sobre ela. Tente entende-la. Admire-a. Olhe nos olhos dela e tente desvendar seus mistérios.Acorde-a com uma mensagem ou uma ligação.Conforte-a , enxugue suas lágrimas.Faça carinho. Pegue-a no braço, gire-a. Finja beijar seus lábios e beije a ponta do nariz. Não compartilhe com ela seus planos, coloque-a neles.  Faça com que ela se sinta importante. Diga na frente de seus amigos que é a mulher da sua vida. Elogie-a. Mostre que com simples atos você consegue fazer a pessoa que você ama a mais feliz do mundo.

Guarde Um Lugar

Diga que você vai ficar um pouco
Não diga adeus essa noite
Diga que você vai ser minha. Só um pouco de amor
Vale um momento do seu tempo
Batendo na sua porta só um pouco
Tão frio lá fora essa noite
Vamor arranjar um fogo queimando
Oh, eu sei que eu vou deixar queimando forte se você ficar
Não vai ficar?
Fica

Refrão
Guarde um lugar pro meu amor
Guarde um lugar para o momento de ficar comigo
Guarde um lugar pro meu amor
Guarde um pouco, guarde um pouco para mim
Não vai guardar um pouco?
Guarde um pouco para mim Ohhh

Isso pode até doer um pouco
Amor dói às vezes, quando você faz certo
Não tenha medo de um pouco de dor
Prazer está do outro lado
Abaixe a guarda só um pouco
Vou manter você segura nesses meus braços
Se segure em mim, linda menina, você verá
Eu posso ser tudo o que você precisa se você ficar
Não vai ficar?
Fica

Refrão
Guarde um lugar pro meu amor
Guarde um lugar para o momento de ficar comigo
Guarde um lugar pro meu amor
Guarde um pouco, guarde um pouco para mim
Não vai guardar um pouco?
Guarde um pouco para mim Ohhh

Bah Da Ba Baaa [x3]
Da Da Daaa

Ohhh Vamos
Dê um tempo pra viver um pouco
Não deixe esse momento escapar essa noite
Você não vai saber o que está perdendo até tentar
Vou deixar você satisfeita se você ficar
Não vai ficar?
Fica

Refrão x2
Guarde um lugar pro meu amor
Guarde um lugar para o momento de ficar comigo
Guarde um lugar pro meu amor
Guarde um pouco, guarde um pouco para mim
Não vai guardar um pouco?
Guarde um pouco por mim Ohhh

Ah… o Amor.



 
É engraçado esse sentimento.
Na verdade é engraçado o modo como isso que chega sem avisar toma proporções inimagináveis.
Ele veio, bateu na porta e quando eu abri, nem se apresentou. Foi entrando ali pela pequena abertura que provoquei somente pra olhar quem estava do lado de fora.
Tenho a impressão que se pudesse ter entrado pelo buraco da fechadura, o faria.
Foi tomando conta da casa. Quando eu menos esperava ele já estava deitado no sofá com os pés esticados na mesa de centro. Já tinha começado a atacar a geladeira e ainda a fechar a porta dela com o pé. Aí, pronto.

Passou a usar a minha escova de dentes, a minha toalha e a roubar comida do meu prato. Se eu colocava coca-cola pra mim, ele já agradecia, enquanto pegava da minha mão o copo, achando que era pra ele.
TEM SENTIMENTO MAIS FOLGADO QUE ESSE?
Poxa! Os outros sentimentos que antes me acompanhavam foram parando de me visitar. A casa ficou tão.. tão… dele, que só quem passou a frenquentá-la foram os amigos do dito cujo.
Fui obrigada a conviver com aquela tal de Felicidade, aquela fulana que chamam de Paixão, um idiota de nome Ciúme e uma criatura toda cheia de si, a Confiança.
Meus amigos não se davam bem com esses. Como aquela minha amiga de anos, a Tristeza, ia me visitar com a Felicidade ofuscando-a? Com a tal da Confiança demonstrando todos os seus atrativos, como que a Baixa Auto-estima ia aparecer pra gente conversar?
Qual é!? Um maluco, um folgado, esse Amor.
Agora deu pra querer reformar a casa!
Chegou aqui com uma tropa: Carinho, Sinceridade, Delicadeza, Preocupação e Bem-estar. E começaram a arrumar tudo quanto era buraco e rachadura que a minha casinha, o meu velho coração, levou anos para obter.

(Desculpe-me o palavrão.. mas…) PORRA! Como pode uma coisa dessas?
E eu nem posso reclamar mais. Porque ele tomou conta do espaço. E o pior, você não sabe ainda: eu gostei.
Eu gostei dessa intromissão dele. Desse jeito possessivo que ele preencheu a minha vida.
Eu não me importo quando ele fecha a porta da geladeira com o pé, ou se esparrama no sofá da sala. Ele precisou de espaço. E exagerado como é, ocupou até os que não estavam disponíveis.
Não quero mais a minha casa, que agora é toda arrumadinha, toda ajeitadinha, sem rachaduras e marcas do tempo, fique vazia.
Mais que isso. Não quero que ele, esse Amor que conheci vá embora.
Dizem que existem vários dele por aí.

Mas esse eu não troco.
Esse é especial.
Esse é meu.
Meu Amor

Muito prazer. eu existo