segunda-feira, 27 de junho de 2011

Ser Feliz


Todas as noites ela ficava olhando pela janela. Via as pessoas passando, ouvia risadas e conversas. Ás vezes, seu olhar era dirigido aos céus, e ela apenas rezava. Outras, fechava seus olhos e sonhava acordada. Seu pedido ou seu sonho eram sempre o mesmo: Ser feliz. Tudo o que ela queria era ser feliz. Parecia simples. Mas a sua felicidade, dependia de tantas outras coisas. Pra começar, ela precisaria sair dali. O interior não era seu lugar. Segundo, ela precisava de alguém. E essa parte estava difícil. Terceiro, estava na hora de ser forte e lutar. Mas ela mal sabia por onde começar. Quarto, ela queria apoio. E ela não o tinha, não de onde deveria. Havia um longo caminho a ser percorrido, mas como fazê-lo? Ela não tinha a mínima ideia. Ela esperava por sinais, porém esses sinais nunca chegavam. Ela pensava em estratégias, mas nunca as colocava em prática. Ela queria esperar acontecer, e demorou muito para que ela percebesse que ela devia fazer acontecer. E mesmo sabendo disso, as coisas ainda eram complicadas. Qual caminho seguir? Ela não sabia sua trajetória, apenas tinha certeza do que queria como destino. E apesar de estar perdida entre a multidão, ela jamais se renderia. Demorasse o tempo necessário, ou até um pouco mais, não importava, ela chegaria ao final, ela conseguiria. Ela abriria suas asas e apenas voaria.
(Miss Lonely Heart)

Nenhum comentário:

Postar um comentário