sexta-feira, 17 de junho de 2011

Eu chamo por você



Eu chamo por você quando as coisas dão errado. Eu desejo seu abraço quando sinto-me desconfortável. Eu choro pelo teu colo, pelo teu beijo. Eu desisto de sonhos para procurar-te em uma realidade qualquer. Eu fantasio-me em qualquer lugar perdida em você, com você, mas não sem você. Eu queria poder provar toda a sinceridade quando digo que o quero perto de mim. Não se preocupe com nada, o amor me ensinou que vale a pena arriscar, mesmo quando você não tem expectativa alguma

Nenhum comentário:

Postar um comentário