sexta-feira, 11 de fevereiro de 2011

Tudo Muda!

Tudo muda
Porque a vida
Muda sem parar
O tempo todo

A vida é movimento
E a todo o momento
Muda mudando às vezes
Imperceptivelmente

A vida muda sempre
Ao mudar de hora
E de lugar

Mesmo o lugar
Sendo o mesmo
O ar é outro
E outro é o vento

Outra nuvem sobrevoa
O mesmo céu agora

Ao léu sigo eu
Sem grandes
Compromissos
Inadiáveis

Sem stress
Sigo e vou
Encontrar
O amor

Onde estiver
Quero agora
Os braços
Da mulher amada

Está tão frio
Preciso de carinho
Sinto-me sozinho
Tal qual um rio

Correndo
Pro mar
Eu corro
Pra você

ABittar

Nenhum comentário:

Postar um comentário